CambioReal - Conheça Startups Criadas Por Brasileiros Que Servem De Inspiração Para
Conheça Startups criadas por brasileiros que servem de inspiração para você

Conheça Startups criadas por brasileiros que servem de inspiração para você

Uma Startup é unicórnio quando ela supera US$ 1 bilhão em valor de mercado. No ano de 2019 os EUA ficaram em 1º lugar do ranking Crunchbase Unicorn Board, após um levantamento de quantidade de unicórnios em 2019, do Crunchbase. Em seguida, China e depois o Brasil, ocupando o segundo e terceiro lugar.

Que os EUA são considerados um grande centro de inovação no mundo, nós já sabemos, mas também sabemos que a criatividade é uma característica forte dos brasileiros.  Não à toa, nossos conterrâneos fazem sucesso tanto fora, quanto dentro do Brasil. Em 2019, as startups brasileiras captaram cerca de US$ 2,7 bilhões de investimentos mundo afora.

Com tanto sucesso, fica a pergunta: O que essas startups estão fazendo? Pois chega de mistério, acompanhe com a gente hoje algumas das principais startups brasileiras que já atingiram a marca do US$ 1 bi e são unicórnios inspiradores para todo empreendedor! 

BREX

A primeira startup que vai te inspirar é a Brex, criada pelos brasileiros Henrique Dubugras e Pedro Franceschi. Uma fintech que cresceu dentro do Vale do Silício e oferece serviços de cartão de crédito para outras startups da região. Sua área de atuação, limitada ao Vale, não foi problema para o seu crescimento.

O crescimento das fintechs - “fin” financial “tech” technology - vem sendo crescente, por conta da evolução da tecnologia. Esse novo termo, foi dado para startups que estão revolucionando a forma que lidamos com os serviços financeiros, como a CambioReal.

Henrique, um dos fundadores, falou em uma entrevista para o Pequenas Empresas & Grandes Negócios, do quanto ele e seu time acreditam que a Brex serve de inspiração para  brasileiros, mostrando na prática que temos tudo para competir globalmente. 

Quatro meses depois do seu lançamento ao público, a BREX já se tornou um unicórnio, e hoje os brasileiros já preparam a atuação para romper as barreiras do Vale do Silício e expandir sua atuação em nível nacional.  

WILDLIFE

Essa empresa apostou no mercado de games para mobile. Foi criada pelos irmãos Arthur e Victor Lazarte, enquanto ainda moravam com os pais. A ideia começou com a criação de jogos gratuitos para celular, o lucro viria apenas de microtransações dentro dos jogos. 

Desde sua criação em 2011, a Wildlife já criou mais de 60 jogos, ganhando o status de unicórnio em 2019. Para 2020, o plano é dobrar a base de funcionários, com uma ousada meta de bater US$ 2 bilhões em valor de mercado.

EPISTEMIC

Focada em soluções inovadoras na saúde, essa startup foi além. A Epistemic tem como proposta, prever ataques epiléticos a quem sofre com essa condição. A empresa está criando um dispositivo que prevê o ataque com cerca de 25 minutos de antecedência, auxiliando de forma sem precedentes no tratamento em casos de crise.

Essa ideia partiu da empresária Paula Gomez, doutora em engenharia elétrica e de sua mãe Hilda Cerdeira, em 2015. A ideia veio a partir dos estudos feitos por sua mãe, sobre sinais de eletroencefalograma.

A empresa ainda não possui faturamento, mas já tem um ritmo diferente das demais startups, por conta do seu tempo de pesquisa. Sua iniciativa e pioneirismo, levaram a Epistemic ganhar evidência no mercado.

GYMPASS

Conhecida como unicórnio das academias, essa empresa criou um aplicativo que permite o acesso a várias academias pelo mundo, por meio de assinaturas mensais. A startup mineira começou em 2012 no Brasil e logo se expandiu para outros lugares do mundo.

Os brasileiros empreendedores Vinicius Ferriani, César Carvalho e João Thayro resolveram inovar e misturar tecnologia e saúde, com intuito de diminuir o sedentarismo e facilitar a iniciativa de se exercitar. 

Se tornou uma startup unicórnio em 2019 e está disponível nos EUA, América Latina e Europa.


Algumas das startups citadas acima fazem parte de um time que virou unicórnio em 2019 e mostram que pensar fora da caixa, muitas vezes, levam ao sucesso no mercado. e você, conhece algum unicórnio brasileiro que ficou de fora da lista? Conta pra gente!