CambioReal - Quais São Os Primeiros Passos Para Se Mudar De País?
Quais são os primeiros passos para se mudar de país?

Quais são os primeiros passos para se mudar de país?

            Tomar a decisão de mudar de país não é uma tarefa fácil, mas pode abrir portas para o seu caminho pessoal e profissional. E é claro que ela não é repentina: existem muitos processos decisivos antes e depois do momento da sua mudança. Hoje nós vamos te dar algumas dicas que podem facilitar (e muito!) suas decisões e te incentivar a dar os primeiros passos.


1.    Antes de tudo, entenda o objetivo da sua mudança de país:

Por quais razões você está decidido ou decidida a embarcar em uma viagem permanente para o exterior? Você está indo para estudar ou trabalhar? Está pensando em montar uma empresa ou participar de um negócio? Enumere essas perguntas e procure entender as etapas necessárias para alcançar cada objetivo.


2.    Tenha o site do consulado do país no Brasil para saber a documentação necessária.

A documentação costuma ser uma das partes mais burocráticas quando você decide se mudar de país (e também uma das mais caras). Estude muito bem sobre os documentos que você precisa tirar com antecedência, e comece a providenciá-los antes mesmo de comprar suas passagens.


3.    Saiba qual vai ser o melhor tipo de moradia para o objetivo da sua viagem.

Depois de definir os objetivos da sua viagem, é hora de procurar um local para morar. Procure nas redes sociais grupos de pessoas que morem na área que você pretende encontrar a sua casa, para buscar informações a respeito da segurança, da vizinhança, do transporte público etc. Os grandes centros costumam apresentar um custo mais alto de vida, isto é, os aluguéis podem ser mais caros do que as cidades mais afastadas, mas, em compensação, possuem um sistema de transporte mais rápido e eficiente, caso você não pretenda comprar um carro. Verifique também os períodos de contrato de aluguel: algumas imobiliárias ou proprietários oferecem formas especiais de pagamentos para estudantes, por exemplo.


4.    Faça uma planilha de gastos que seja a sua melhor amiga!

Na hora de elencar os gastos com a sua viagem, lembre-se que ela começa antes mesmo de você embarcar. Separe o dinheiro para suas documentações e passagens, e também para os preparativos (roupas, malas, remédios etc.). Depois disso, calcule o quanto você vai precisar para viver no novo país, levando em consideração sua moradia, transporte, lazer, alimentação e saúde, deixando sempre uma porcentagem como margem de gastos extras. E, claro, não esqueça fazer uma poupança emergencial.


5.    Procure um seguro de viagem confiável.

Para levar uma preocupação a menos na sua bagagem, faça um seguro de viagem completo, e coloque seus dependentes no plano. Assim, você terá um apoio 24h em caso de emergências.


6.    Não faça as malas no desespero!

Organize uma planilha com o que você precisa levar de acordo com o tempo que pretende ficar no país. Dependendo, você pode buscar o restante das coisas quando voltar para o Brasil durante suas férias.


7.    Garanta uma forma de se manter financeiramente.

Além dos empregos que você pode encontrar no novo país, você pode realizar demandas de tradução para empresas do Brasil, ou até mesmo trabalhos de freelancer que podem depositar o dinheiro na sua conta enquanto você vive no exterior. E é claro que você pode contar com a CambioReal para fazer essa transação de forma rápida e segura para você!


            E aí, depois dessas dicas, você já está arrumando suas malas?