Quais os tipos de empresa nos EUA? Parte 2: Corporations
Quais os tipos de empresa nos EUA?  Parte 2: Corporations

Quais os tipos de empresa nos EUA? Parte 2: Corporations

Continuando com nossa série sobre questões legais que envolvem o empreendedorismo nos EUA, a bola da vez são as Corporations. Não viu os outros posts da série ainda? Então dê um passinho para trás e clique aqui para um panorama completo sobre empreendedorismo nos EUA, aqui para um passo a passo de como abrir sua empresa, ou aqui para a primeira parte dos tipos de empresa que você pode abrir: as Limited Liability Companies. 

Já leu tudo isso? Então vem com a gente conhecer a segunda grande forma de abrir uma empresa nos EUA: a corporation!

O maior diferencial da Corporation é que ela é uma entidade legal independente de seus donos. Ou seja, uma corporation pode assinar contratos, se endividar e até pagar impostos sem que isso atinja os indivíduos que a controlam. Ou seja, se sua empresa falir ou se endividar, seu carro ou casa não podem ser confiscados como formas de pagar a dívida. 

Mas espera aí, esse não era o mesmo benefício oferecido nas LLC's? 

É sim! Tanto as LLC's quanto as Corporations oferecem essa proteção legal ao empresário. É justamente por isso que são esses os modelos mais buscados na hora de abrir uma empresa nos EUA. 

Mas então, quais as diferenças entre os dois modelos? 

A principal diferença entre LLC's e Corporations é um velho conhecido de empresários e empreendedores: o imposto. Os modelos de taxação entre os dois formatos variam muito, e é importante estar bem por dentro para tomar a melhor decisão. A tributação das Corporations incide sobre o seu lucro e no momento de retirada de lucros dos sócios, gerando uma bitributação muito criticada pelos americanos. O modelo de tributação da LLC já é muito mais brando e não pesa tanto no bolso do empresário. Isso sem falar que a burocracia para abrir uma Corporation é muito mais extensa do que no caso da LLC, considerada "a melhor forma de abrir uma empresa rápida nos EUA". 

Então não há nem o que pensar, certo? Se a Corporation paga mais impostos e é mais burocrática, a LLC já se mostrou como a escolha óbvia! Calma que nada é tão simples assim! As Corporations oferecem, sim, algumas vantagens para os empresários que optam por esse modelo. Quem pensa em buscar investidores externos, por exemplo, como é o caso de muitas startups, precisa ter ações da empresa para oferecer em troca dos investimentos, e só a Corporation permite esse fracionamento. Outros casos em que essa possibilidade pode ser necessária podem envolver empresas familiares em que se deseja dividir ações da empresa dentro da família. No fim das contas, uma LLC é possuída por indivíduos, e uma corporation é possuída por detentores de ações, facilitando o processo de mudança.  

Como toda decisão legal, optar entre uma LLC ou uma Corporation requer uma boa dose de estudo e de reflexão: uma escolha errada aqui pode significar muita dor de cabeça (e muito prejuízo!) lá na frente. Então prepare um bom café, estude bastante, e bons negócios!  

O processo para incorporar (ou seja, abrir uma corporation) é mais complexo e custoso que o processo de abertura de LLC's, que pode ser feito digitalmente. Por isso, o mais indicado para quem quer seguir esse caminho é buscar um advogado especialista. 

Seja lá qual for o modelo mais apropriado para o seu negócio, esperamos que essa série tenha ajudado a entender um pouquinho mais o complexo sistema legal de empresas nos Estados Unidos! Até a próxima!